quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

O som do meu 2017

- ou como ainda não superei o Made in the A.M.



Eu cheguei tarde para a festa do fandom do One Direction. Quando eu deixei meu preconceito de lado e comecei a ouvir as músicas, eles já estavam no último (por enquanto) disco e tinham anunciado o hiatus. Por isso que eu cometo a blasfêmia (para alguns) de nem ligar para o Zayn, porque quando eu "cheguei" ele já tinha saído!

Com isso aprendi uma lição: deixe de ser besta e ter preconceitos musicais. Minha versão de 10 anos que amava Backstreet Boys deve ter ficado no mínimo sem entender nada quando eu comecei a me sentir blé sobre boy bands. Mas aí eu prestei atenção no Made in the A.M. e desde então estamos aí, ouvindo de o disco solo do Harry e do Niall, aguardando o do Louis e achando blé o do Liam, mas sempre voltando para as músicas de quando eles estavam juntos.


Saudades!

Nenhum comentário:

Postar um comentário